Compra de poltrona dupla

A compra de passagem com poltrona dupla é uma excelente opção para manter o conforto e ainda é mais seguro dentro da situação de contágio de doenças virais.

Para comprar sua passagem você deve:

 

  • Após selecionar o seu destino, verifique no espaço “classe” (ao lado dos horários disponíveis de viagem) se aparece a mensagem “Poltrona Dupla”. Essa informação indica que neste horário você terá acesso a passagens de poltrona Dupla;
  • Selecione o horário desejado e escolha sua poltrona (no momento de seleção, a poltrona ao lado não irá aparecer selecionada, porém, ela já estará automaticamente vinculada a sua passagem).

Pronto, agora é só aproveitar sua viagem com mais conforto e segurança!

Acessibilidade

Acessibilidade Linhas Rodoviárias

A empresa opera em suas linhas intermunicipais e interestaduais com ônibus adaptados para acessibilidade de acordo com as normas ABNT.

Possuem os degraus de acesso e corrimão na cor amarela para facilitar a visualização.

Em todas as linhas rodoviárias, as poltronas 1 e 2 ficam reservadas preferencialmente para a pessoa com deficiência, dificuldade de locomoção, obesos e grávidas até 30 minutos antes da partida do ponto inicial da linha ou as últimas a serem comercializadas. São sinalizadas com adesivo indicativo e/ou capinhas (cabeceiras) na cor amarela. Ausentes pessoas nesta condição até o final do prazo, o uso é livre.

Nestas poltronas existe ainda uma campainha exclusiva para facilitar a identificação pelo motorista.

Estas poltronas independem das destinadas aos benefícios sociais impostos pelo governo (gratuidades) que, por mera liberalidade da empresa, podem escolher poltrona diferente das reservadas.

Nos veículos dotados de gabinete sanitário, além da campainha para eventuais emergências, possuem ainda barras de apoio.

 

Acessibilidade Linhas Semiurbana

A empresa opera em suas linhas intermunicipais de características urbanas com veículos dotados de elevador.

Possuem os degraus de acesso e corrimão na cor amarela para facilitar a visualização.

Todos os ônibus possuem acentos na cor amarela destinados preferencialmente a pessoas com necessidades especiais.

Transporte de Animais no Ônibus

O transporte de animais deve obedecer as seguintes normas:

1 – O trânsito de animais nas viagens interestaduais ou intermunicipais no Estado de Minas Gerais somente poderá ser feito com a apresentação da GTA – Guia de Trânsito Animal, conforme modelo definido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – MAPA, na Instrução Normativa n° 18, de 18.07.06.

2 – A GTA será fornecida pelos Órgãos oficiais de defesa animal das Unidades Federativas, com base no registro de procedência dos animais e no cumprimento das exigências de ordem sanitária estabelecidas para cada espécie.

3 – Para emissão de GTA, nas unidades administrativas onde não existam ou sejam em número insuficiente os médicos veterinários ou funcionários autorizados dos órgãos oficiais de defesa sanitária animal, o médico veterinário sem vínculo com a Administração Federal, conforme previsto no item 3, deverá atender as exigências de Habilitação, de acordo com a Instrução Normativa n° 15, de 30.06.06, do MAPA.

4 – Não é permitido o transporte de animal que por sua espécie, tamanho, ferocidade ou peçonha comprometa o conforto e segurança dos passageiros e tripulantes.

5 – Aves de qualquer espécie e animais silvestres somente com autorização do IBAMA.

 

No caso específico de cães e gatos

6 – O trânsito de cães e gatos fica dispensado da exigência da GTA quando esses animais estiverem acompanhados de atestado sanitário emitido por médico veterinário devidamente registrado no Conselho Regional de Medicina Veterinária da Unidade Federativa de origem dos animais, comprovando a saúde dos mesmos e o atendimento às medidas sanitárias definidas pelo serviço veterinário oficial e pelos órgãos de saúde publica,com destaque para a comprovação de imunização antirrábica.

7 – O animal deve estar acondicionado em recipiente próprio para transporte em condições de higiene e limpeza, isento de dejetos alimentos ou água/liquidos.

8 – O animal será transportado no bagageiro dos veículos, podendo,excepcionalmente, os cães e gatos serem transportados no porta embrulhos, obedecidas as exigências regulamentares próprias (tamanho e peso até 5 kg) ou sob as poltronasexceto em linhas interestaduais onde é proibido transportar sobre as poltronas ou no corredor e desde que haja disponibilidade de lugares vagos no ônibus.Em ambos os casos, se não houver objeção de nenhum passageiro.

9 -Não poderá incomodar aos demais passageiros ou ser retirado do transporte dentro do ônibus, mesmo parado ou no bagageiro durante toda a viagem, exceto nos pontos de paradas oficiais quando poderá ser retirado estando do lado de fora do ônibus.

10 – Será impedido o transporte de animal, em qualquer etapa da viagem, que não atender às exigências acima, cabendo ao passageiro responsável a sua destinação sem ônus para a empresa transportadora.

11 – A empresa não tem qualquer responsabilidade sobre a saúde e bem estar do animal, cabendo ao seu proprietário os cuidados necessários.

O Transporte de animais é uma cortesia das empresas, sendo prioritário o transporte de passageiros.

Reimpressão do Voucher

Caso o cliente necessite a reimpressão do voucher acesse o nosso site :

www.empresaunida.com.br/voucher

Efetue o login em nosso site conforme figura abaixo:

Clique em Histórico de Compras conforme figura abaixo: 

Clique em Voucher e reimprima a segunda via de seu voucher:

Para REVALIDAÇÃO e CANCELAMENTO do voucher, leia as Regras de Compras – Clique Aqui

Para REVALIDAÇÃO e CANCELAMENTO do voucher, leia as Regras de Compra

IMPORTANTE – REGRAS DE CANCELAMENTO DE COMPRAS COM CARTÃO DE CRÉDITO:

Em caso de desistência da viagem e dentro dos prazos previstos nas Regras de Compra, como o pagamento foi efetuado com cartão de crédito, o usuário que optar por se dirigir a uma agência Unida deverá preencher o formulário de “solicitação para estorno de compra de passagem com cartão de crédito”. O cliente deverá apresentar, no ato da solicitação, um documento de identidade com foto, o cartão onde foi debitada a compra, dados bancários e a passagem a ser cancelada. Dependendo da operadora e do tempo passado desde a data da compra, poderá ser feito estorno da compra antes do processamento ou a devolução posterior na própria fatura, ou através de depósito em conta do titular do cartão.
A devolução não será feita para ou por outro meio a terceiros. Apenas ao titular do cartão e somente após o crédito ter sido efetivado pela operadora do cartão em favor da empresa. Solicitamos que confira os dados preenchidos no formulário. A Empresa Unida não se responsabiliza por erro no preenchimento desses dados;

Em caso de Dúvidas ou caso não Concorde com as Regras de Compra, NÃO efetive sua compra.

Relação de Agências Próprias da Empresa Unida para compra ou cancelamento de passagens adquiridas com cartão de Crédito ou Débito

Belo Horizonte – (31) 3272-5102
Conselheiro Lafaiete – (31) 3763-1402
Juiz de Fora – (32) 3215-3427
Ponte Nova – (31) 3817-3023
Rio de Janeiro – (21) 2253-7866
Rio Pomba – (32) 3571-1301
Ubá – (32) 3539-7241
Viçosa – (31) 3891-2926
Visconde do Rio Branco – (32) 3551-5593

** ATENÇÃO – A EMPRESA UNIDA RESERVA-SE NO DIREITO DE CANCELAR ESTA OPÇÃO DE VENDA DE PASSAGENS COM CARTÃO DE CRÉDITO OU DÉBITO A QUALQUER TEMPO SEM PRÉVIO AVISO.

STATUS DA COMPRA – Histórico de compras

  • PENDENTE – Não gera cobrança. É quando a operadora não retorna a solicitação de compra. É necessário que refaça todo o processo novamente, lembrando que, se a poltrona que inicialmente escolheu estiver ocupada, ela somente será liberada após 30 minutos;
  • NEGADO – Não gera cobrança – É quando a operadora nega a transação de compra;
  • CONFIRMADO – Gera cobrança – É quando a operadora confirma a compra e automaticamente é emitido o Voucher na tela com os dados da viagem e da compra, e ao mesmo tempo envia o mesmo para o e-mail do cliente cadastrado no site.

Para REVALIDAÇÃO e CANCELAMENTO do voucher, leia as Regras de Compras – Clique Aqui

Relação de Agências Próprias e Informatizadas da Empresa Unida para Impressão de Passagens Adquiridas Via Internet

Belo Horizonte – (31) 3272-5102
Coronel Fabriciano – (31) 3841-4251
Conselheiro Lafaiete – (31) 3763-1402
Ervália – (32) 3554-1157
Guarani – (32) 3575-1945
Ipatinga – (31) 3822-2300
Itabira – (31) 3831-4537
João Monlevade – (31) 3851-6044
Juiz de Fora – (32) 3215-3427
Mercês – (32) 3337-1325
Muriaé – (32) 3722-6561
PIRANGA – (31) 3746-1078
Piraúba – (32) 3573-1149
Ponte Nova – (31) 3817-3023
Porto Firme – (31) 3893-1009
Rio de Janeiro – (21) 2253-7866
Rio Pomba – (32) 3571-1301
Senador Firmino – (32) 3536-1375
Tocantins – (32) 3574-1320
Ubá – (32) 3539-7241
Viçosa – (31) 3891-2926
Visconde do Rio Branco – (32) 3551-5593

 

* ATENÇÃO – A Impressão de Passagens é feita somente em agências informatizadas e próprias da Empresa Unida e se dará dentro do horário de atendimento da Agência. Informe-se.

Saiba quanto é pago de Imposto em cada passagem emitida

Em cumprimento a Lei 12.741/12 informamos o percentual aproximado de impostos incidentes sobre a tarifa do transporte coletivo intermunicipal e interestadual.

É importante também saber que as tarifas pagas em cada trecho percorrido pela empresa é definida e autorizada anualmente pelo órgão que gerencia o transporte, seja nas linhas intermunicipais no Estado de Minas Gerais (SETOP) ou seja nas linhas interestaduais (ANTT), com base em planilhas de custos de cada setor.
Para cada bilhete de passagem emitido pela Empresa Unida são cobrados os seguintes percentuais aproximados em impostos:

Linhas INTERMUNICIPAIS no Estado de Minas Gerais:

ICMS (Exceto nas linhas semi urbanas (roleta) que são isentas)19,00%
PIS/PASEP0,65%
COFINS3,00%
Taxas (IPVA, Seguros, etc)2,16%
IOF0,35%
Encargos Sociais (INSS, FGTS, Seguros Trabalhistas e outros)14,00%
TGO4,00%
Total pago em impostos em percentuais aproximados42,16%

Linhas INTERESTADUAIS partindo do Estado de Minas Gerais:

ICMS18,00%
PIS/PASEP0,65%
COFINS3,00%
Taxas (IPVA, Seguros, etc)2,16%
IOF0,35%
Encargos Sociais (INSS, FGTS, Seguros Trabalhistas e outros)14,00%
Total pago em impostos em percentuais aproximados38,16%

Linhas INTERESTADUAIS partindo do Estado do Rio de Janeiro:

ICMS20,00%
PIS/PASEP0,65%
COFINS3,00%
Taxas (IPVA, Seguros, etc)2,16%
IOF0,35%
Encargos Sociais (INSS, FGTS, Seguros Trabalhistas e outros)14,00%
Total pago em impostos em percentuais aproximados39,16%

 

Legenda:

SETOP – Secretaria de Transportes e Obras Públicas do Estado de Minas Gerais
ANTT – Agência Nacional de Transportes Terrestres
ICMS – Imposto sobre Operações relativas a Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação
PIS – Programa de Integração Social
PASEP – Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público
COFINS – Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social
INSS – Instituto Nacional da Seguridade Social
FGTS – Fundo de Garantia por Tempo de Serviço
IOF – Imposto sobre Operações Financeiras
IPVA – Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores
TGO – Taxa de Gerenciamento Operacional.

Gratuidade de Passagem para Idosos e Pessoas com Deficiências nas linhas Intermunicipais dentro do Estado de Minas Gerais

De acordo com a Lei nº 21.121 de 03/01/2014, regulamentada pelo Decreto nº 46.434 de 29/01/2014, a partir do dia 01/03/2014, o idoso com idade mínima de 65 anos e a pessoa com deficiência que menciona a Lei e que tenham renda comprovada igual ou inferior a 2 (dois) salários mínimos, terão direito a gratuidade na passagem intermunicipal (dentro do Estado de Minas Gerais).

Serão reservadas 2 (duas) vagas gratuitas por horário, por ordem de chegada, no serviço convencional ou comercial e desde que cumpridas as exigências do Decreto nº 46.434.

A reserva e o embarque se dará mediante a apresentação do documento de identidade com foto e validade nacional e a carteira de gratuidade intermunicipal (SINDPASSE) emitida gratuitamente.

Para efeito da concessão da gratuidade, define-se:

I – idoso: pessoa com idade acima de 65 (sessenta e cinco) anos;
II – pessoa com deficiência: aquela que, nos termos da Lei nº 13.465, de 12 de janeiro de 2000, e do Decreto Federal nº 3.298, de 20 de dezembro de 1999, apresenta, em caráter permanente, perda ou anormalidade de sua função psicológica, fisiológica ou anatômica que gere incapacidade para o desempenho de atividade,dentro do padrão considerado normal para o ser humano;
III – serviço convencional simples: serviço de característica básica, prestado com veículo rodoviário, com ou sem sanitário;
IV – serviço comercial: serviço especificado no inciso XVI do art. 5º do Decreto nº 44.603, de 22 de agosto de 2007, que opera em itinerário preferencialmente urbanizado e apresenta intensa movimentação de passageiros ao longo do dia e do itinerário, utilizando veículo urbano e sem venda antecipada de passagens (roleta);
V – Carteira de gratuidade intermunicipal (SINDPASSE): documento fornecido pela entidade representativa do setor (SINDPAS), após o cadastramento a que se refere o art. 3º da Lei nº 21.121, de 2014, obrigatório para o acesso gratuito ao transporte.

Para solicitar a Carteira de Gratuidade Intermunicipal (SINDPASSE) basta acessar o site do SINDPASSE http://www.sindpas.com.br/sindpasse/index.asp (Acessar agora), de qualquer lugar do Brasil, baixar o KIT idoso ou KIT para pessoa com deficiência, preencher os dados, anexar os documentos e enviar pelo correio para o endereço que lá está informado.
O KIT e a carteira de gratuidade intermunicipal são gratuitos.

A carteira de gratuidade intermunicipal é intransferível e de uso pessoal do beneficiário, válida pelo prazo de dois anos, contados de sua emissão, podendo ser renovada em até quarenta e cinco dias antes do término de sua validade, desde que mantidas as condições e apresentados os documentos exigidos para o cadastro.

O beneficiário, para fazer uso da reserva, deverá solicitar um único bilhete, podendo solicitar a emissão do bilhete de retorno, para a viagem gratuita nos pontos de seção onde houver agência de venda de passagens da empresa, com, no mínimo, doze horas de antecedência do horário previsto de partida do veículo do ponto inicial da linha,limitando-se a gratuidade a dois assentos por viagem, disponibilizados pelo critério exclusivo de precedência na solicitação da reserva. – ORDEM DE CHEGADA.

No dia da viagem, o beneficiário deverá comparecer na bilheteria da respectiva empresa, para confirmação da reserva, até trinta minutos antes da hora prevista de embarque da viagem constante em sua reserva, sob pena de cancelamento da mesma.

O beneficiário somente poderá solicitar nova reserva, na mesma empresa delegatária, após a utilização da reserva anterior.

Os assentos reservados poderão ser comercializados caso não tenham sido solicitados até 12 (doze) horas antes do horário definido de partida do ponto inicial da linha e não serão mais aceitas solicitações de reservas findo o prazo.

O prazo previsto de 12 (doze) horas não se aplica ao serviço comercial (roleta), cujo acesso será disponibilizado de acordo com o critério de ordem de chegada.

A desistência da viagem deverá ser comunicada com antecedência mínima de 4 (quatro) horas em relação ao horário da partida no ponto inicial da linha, e a falta de comunicação, por duas vezes, em um período de um ano, implicará na suspensão da carteira até o término de sua validade.

ATENÇÃO

– Não serão aceitas reservas por outros meios. Somente e exclusivamente por ordem de chegada em nossas agências e dentro dos prazos previstos;
– A reserva poderá ser feita a partir do início das vendas para a data e terminará 12 (doze horas) antes do horário de partida do ponto inicial da linha. Somente um bilhete por vez, podendo ainda solicitar o bilhete de volta;
– O beneficiário somente poderá solicitar nova reserva na empresa após a utilização da reserva anterior;
– O bilhete de viagem gratuito é pessoal e intransferível;
– Emprestar ou utilizar documento de outra pessoa é crime. Caso seja comprovado o uso para obter o benefício irregularmente, a empresa acionará os meios legais para denunciar e ser ressarcida dos prejuizos que houverem;
– Se for constatado rasura, uso por terceiros ou suspeita de adulteração, a carteira será recolhida mediante recibo e enviada para averiguação. O beneficiário terá 10 (dez) dias para se justificar e caso confirmado, a carteira será cancelada e não será emitida outra pelo prazo de 5 (cinco) anos.

– Entidade representativa do Setor:
SINDPAS – SINDICATO DAS EMPRESAS DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS DO ESTADO DE MINAS GERAIS.
Rua Aymorés, 2152 – Lourdes – CEP 30.140-072 – Belo Horizonte – MG

– Endereço para envio do KIT pelos correios:
SINDPASSE – Rua Timbiras, 2.250, sala 301 – Lourdes – CEP 30.140-061 – Belo Horizonte – MG.

– Tramitação – o prazo para envio da carteira de gratuidade intermunicipal – SINDPASSE – é de até 30 (trinta) dias, contados do recebimento do kit, se forem atendidas as exigências da Lei Estadual nº 21.121, de 03/01/14 e Decreto nº 46.434, de 29/01/14.